Migração do BigCommerce para a Shopify

O app Store Importer permite que você migre dados de produtos, pedidos e clientes do BigCommerce para a Shopify. Para importar os dados, é preciso exportá-los do BigCommerce.

Etapa 1: exportar os dados da sua loja da BigCommerce

A primeira etapa da migração da loja é exportar os dados do BigCommerce. Quando a exportação é concluída, o computador baixa arquivos CSV contendo os dados do BigCommerce que devem ser importados para a Shopify.

Exportar os dados do seu produto da BigCommerce

Ao exportar seus produtos da sua loja da BigCommerce, certifique-se de exportar também informações adicionais sobre produtos e variantes para exportar dados completos do produto.

Etapas:

  1. Em seu painel do BigCommerce, acesse Produtos > Exportar.
  2. Em Opções de formato de arquivo e modelo para exportação, selecione Padrão e, depois, clique em Continuar.
  3. Na caixa de diálogo produtos que aparece, clique em Exportar meus produtos para um arquivo CSV e, depois, em Fechar. Um arquivo CSV que contém os dados do seu produto é salvo em seu computador.
  4. Em Opções de formato de arquivo e modelo para exportação, selecione Edição em massa e, depois, clique em continuar.
  5. Clique em Exportar meus produtos para um arquivo CSV e, depois, em fechar. Um segundo arquivo CSV que contém informações adicionais do produto e dados de variantes é salvo em seu computador.

Exportar os dados de seus pedidos do BigCommerce

  1. Em seu painel do BigCommerce, acesse Pedidos > Exportar.
  2. Em Opções de formato de arquivo e modelo para exportação, selecione Padrão e, depois, clique em Continuar.
  3. Na caixa de diálogo Pedidos exibida, clique em Exportar meus pedidos para um arquivo CSV e, depois, clique em Fechar. Um arquivo CSV que contém os dados de seus pedidos é salvo em seu computador.

Exportar seus dados do cliente da BigCommerce

  1. Em seu painel do BigCommerce, acesse Clientes > Exportar.
  2. Em Opções de formato de arquivo e modelo para exportação, selecione Padrão e, depois, clique em Continuar.
  3. Na caixa de diálogo Exportar clientes exibida, clique em Exportar meus clientes para um arquivo CSV e, depois, em Fechar. Um arquivo CSV que contenha seus dados de cliente é salvo em seu computador.

Etapa 2: importe os dados da sua loja para a Shopify

Após exportar os produtos, pedidos e clientes do BigCommerce, importe os arquivos CSV para a Shopify.

Etapas:

  1. No admin da Shopify, clique em Apps > Import Store.

  2. Na página Importar dados para a Shopify, selecione BigCommerce no menu suspenso.

  3. Em Carregar arquivos, clique em Adicionar arquivo e selecione os arquivos exportados. Selecione a quantidade de arquivos CSV que quiser. Ao importar produtos, adicione os arquivos exportados dos modelos Padrão e Edição em massa para que os dados sejam importados corretamente.

  4. Clique em Continuar importação > Importar.

Etapa 3: avalie e atualize seus dados importados

Após uma importação bem-sucedida, os dados de produtos, pedidos e clientes estarão disponíveis no admin da Shopify. Se alguns produtos ou clientes não foram importados, adicione-os manualmente. Para ver mais informações, consulte Adicionar um produto ou Adicionar um cliente.

As seções a seguir descrevem alguns dos resultados que você pode ver ao importar seus dados do BigCommerce para a Shopify:

Importação bem-sucedida com mudanças

A página de resumo mostra as informações da importação concluída. Na seção de análise dessa página, é possível conferir as mensagens para saber se houve erros. Para editar manualmente as informações importadas, basta clicar em Visualizar itens ao lado das mensagens.

Pedidos históricos

Os pedidos importados da plataforma anterior migram para a loja da Shopify apenas para fins de histórico. Eles são definidos automaticamente com o status Arquivado. Embora seja tecnicamente possível desarquivá-los, você não consegue executar nenhuma funcionalidade reservada para os pedidos criados em uma loja da Shopify.

Não foi possível importar alguns produtos, clientes ou pedidos

Se alguns produtos ou clientes não foram importados, adicione os produtos manualmente ou adicione um cliente.

Os clientes com o mesmo endereço de e-mail ou número de telefone não são incluídos na importação. Se dois ou mais clientes compartilham um endereço de e-mail ou número de telefone, é importada apenas a entrada de cliente criada mais recentemente.

Produtos importados, mas não publicados

Os produtos com visibilidade oculta no BigCommerce no momento da exportação dos dados são importados para a Shopify como ocultos. Caso você não queira que o produto permaneça oculto, disponibilize-o nos canais de vendas de sua escolha.

Falha ao importar variantes do produto

Um produto com variantes não será importado se estiver faltando alguma opção. Adicione esse produto à Shopify manualmente. Por exemplo, se você vende camisetas com opções de tamanho e cor e uma das variantes inclui a informação de tamanho, mas não a cor, o produto não será importado.

Produtos importados não têm mais suas dimensões

Se seus clientes precisarem das dimensões de seu produto, adicione as dimensões diretamente à descrição do produto.

Tags aplicadas a registros importados

O app Import Store aplica Tags aos registros importados. As tags facilitam a descoberta das coisas que você importou, revê-as para erros ou faz ajustes.

As tags aplicadas automaticamente a cada registro importado estão no seguinte formato: import_<date>_<import_id>. Os formatos de tag referentes a erros de importação, como imagem ausente ou variante duplicada, variam de acordo com a plataforma de origem.

É possível manter essas tags nos seus registros importados, mas isso pode gerar problemas se você usar tags como forma de organização de sua loja. Por exemplo, elas podem estar visíveis para os clientes na loja virtual. Para evitar isso, remova-as depois de verificar se há erros nos registros importados.

Importar dados na parte superior de uma importação existente

Se você acha que esqueceu algo da sua importação anterior, é possível importar os dados da sua loja novamente na parte superior da importação atual clicando em Iniciar nova importação.

  • Caso sua loja da Shopify ou a importação anterior já inclua clientes, eles serão atualizados se um cliente correspondente for encontrado na importação. Assim nenhum dado sobre o cliente na Shopify será perdido. Os clientes são primeiro correspondidos no endereço de e-mail e, em seguida, no número de telefone se nenhuma correspondência de endereço de e-mail for encontrada. Se uma correspondência for encontrada, o registro existente será atualizado da seguinte forma:

    • Os status de isenção de imposto e assinatura de marketing são substituídos.
    • Tags, endereços e observações da importação são adicionadas.
    • Se os campos de nome, sobrenome ou número de telefone estiverem vazios no registro existente e forem incluídos no registro de cliente importado, eles serão adicionados.
  • Se uma importação incluir produtos que já estão em sua loja da Shopify, os produtos correspondentes na importação serão ignorados e não serão importados. Uma lista dos produtos ignorados será exibida no Resumo da importação após o processo ser concluído.

Excluir uma importação de dados da loja

Se você não estiver satisfeito com a importação dos dados, exclua-a. Por exemplo, se a importação dos dados contiver muitos itens com falha, talvez seja útil removê-la e tentar novamente. É possível excluir apenas a importação mais recente. Aguarde a exclusão total dos dados antes de iniciar outra importação.

Etapas

  1. Na página Importação concluída , clique em Excluir importação.

  2. Na caixa de diálogo Excluir importação , clique em Excluir importação.

Após excluir todos os arquivos importados, clique em Iniciar nova importação para começar outra importação.

Critérios para senhas de clientes

Como as senhas são criptografadas, não é possível migrar senhas de clientes de outra plataforma para a Shopify. Consequentemente, apenas registros de clientes são migrados para a Shopify, e não contas de clientes.

Pronto para começar a vender com a Shopify?

Experimente de graça