Criação de uma listagem no Exchange Marketplace

Antes de colocar sua empresa à venda no Exchange Marketplace, é preciso verificar se ela está qualificada para tal processo. Feito isso, será necessário instalar o app do Exchange no admin da Shopify. Existem duas maneiras de baixar o app:

  • Acesse exchangemarketplace.com e clique no botão Vender seu negócio no cabeçalho do site. Você precisará fazer login na sua conta da Shopify para instalar o app.
  • Na conta da Shopify, acesse Configurações > Plano > Pausar ou cancelar assinatura. No banner Venda sua loja no Exchange, clique em Saiba mais.

Qualificação para listagens

Atualmente, apenas as empresas da Shopify podem criar listagens ativas no Exchange. No entanto, se você tem uma empresa da Shopify, pode vendê-la, seja qual for o número de vendas. Não é exigido um número mínimo de vendas para anunciar sua empresa no Exchange.

Os seguintes requisitos precisam ser atendidos antes de listar uma empresa no Exchange:

  • Apenas o titular da loja da Shopify pode acessar e instalar o app do Exchange em uma loja da Shopify.
  • A conta da Shopify deve estar em um plano pago ou de desenvolvimento. Isso inclui o plano de loja virtual Pause and Build da Shopify.
  • A empresa não pode usar o Shopify Plus. Caso a empresa esteja atualmente neste plano, é necessário entrar em contato com o Atendimento ao cliente do Plus para verificar a possibilidade de negociar o contrato e mudar para um plano qualificado.
  • A empresa não pode estar no período de avaliação. É necessário esperar um dia após o pagamento da primeira taxa de assinatura da Shopify para estar qualificado.
  • Caso use o Shopify Payments, a conta precisa estar regularizada. Se a empresa foi removida do serviço, não será possível anunciá-la no Exchange.
  • Caso sua empresa use o Shopify Balance, não será possível anunciá-la no Exchange.
  • Você não pode ter financiamento ativo do Shopify Capital.
  • Não pode haver tíquetes em aberto com as equipes jurídica, de risco ou de recuperação da Shopify. As pendências precisam ser resolvidas antes de anunciar a venda da loja.
  • Todas as listagens precisam cumprir com os Termos de serviço da Shopify e o contrato do Programa de Parcerias

Consulte os Termos do Exchange para conhecer todas as limitações referentes ao Exchange Marketplace.

Criar sua listagem do Exchange Marketplace

Depois de instalar o app do Exchange Marketplace, preencha a listagem com informações sobre sua empresa antes de publicá-la. Temos algumas dicas que ajudarão você a criar uma ótima listagem. Estas são as etapas básicas para uma listagem completa do Exchange:

  1. Revise as informações de contato. Os clientes não veem seu e-mail, mas as respostas deles são encaminhadas anonimamente para o endereço. Todas as notificações do Exchange e do Escrow são enviadas para o e-mail especificado em Configurações > Usuários e permissões no admin da Shopify. Por isso, é importante que você tenha acesso a essa caixa de entrada. Se precisar atualizar essa informação, entre em contato com exchange-support@shopify.com para receber ajuda.
  2. Selecione o setor de sua empresa. Vale destacar que essa opção não está visível para empresas na categoria Starter. Se a empresa tem uma receita de vendas verificadas menor que US$ 100, ela é automaticamente considerada uma loja do tipo Starter. Consulte nosso guia para entender os dados de receita de sua empresa e saber mais.
  3. Insira uma descrição para a empresa e use-a para fornecer a clientes em potencial informações importantes, incluindo as seguintes: - Suas vendas

  4. Verifique todos os ativos contidos na venda, pois a inclusão de vários ativos pode ser interessante para clientes em potencial. Recomendamos estes: - Estoque

    • Logotipo e propriedades da marca
    • Atendimento individualizado pós-venda
    • domínios
    • Fotos do produto
    • Links e contas em redes sociais
    • fornecedores
  5. O Exchange gera automaticamente um valor estimado para a empresa, mas você pode redefinir o preço de venda e selecionar um valor que represente melhor seus negócios. Essa estimativa se baseia em informações como receita e tráfego e pode ser conferida antes da aprovação de uma avaliação da listagem. O preço de venda pode ser definido a qualquer momento.

  6. O Exchange gera automaticamente uma captura de tela de sua loja virtual. Se a imagem em questão estiver desatualizada, entre em contato conosco pelo e-mail exchange-support@shopify.com e solicite uma versão mais recente. Você também pode enviar capturas de tela que mostrem relatórios de vendas ou de tráfego, anúncios criados ou mesmo outros ativos que sejam de interesse dos clientes.

  7. Use a seção História da empresa para fornecer aos clientes as seguintes informações: - A história por trás da criação da empresa

    • O motivo para vender a empresa
    • Como você administra a empresa (por exemplo, operações diárias, processamento de pedidos, atendimento ao cliente, marketing etc.)
  8. Verifique se os dados de tráfego e desempenho. Esta é uma etapa importante, pois ajuda a garantir que seus clientes possam avaliar com clareza o desempenho comercial da marca. Lembre-se de que é sua responsabilidade garantir que os dados de lucro, margem de lucro e média de vendas por mês sejam exibidos com precisão. As médias mensais de receita e de sessões da loja, no entanto, são retiradas diretamente de sua conta e confirmadas pela Shopify. Sugerimos seguir nosso guia para cálculo do lucro médio mensal na hora de determinar o lucro e a margem de lucro da loja. Se você incluir um estoque físico na venda, o valor a ser contabilizado é o custo de varejo do estoque, não o de atacado.

  9. Ao preencher as despesas da loja, inclua todos os custos incorridos pela empresa. Isso abrange a assinatura da Shopify, apps pagos, marketing, domínios e outras despesas obrigatórias para operar seus negócios.

  10. As seções Conselho do vendedor não são obrigatórias para a aprovação de sua listagem.

Os dados de vendas e tráfego de sua listagem não podem ser modificados. O Exchange exibe todas as informações verificáveis na listagem.

Quando tiver terminado, clique no botão Publicar. Sua listagem pode estar qualificada para um processo de avaliação pela equipe de atendimento do Exchange. Você receberá uma notificação sobre as alterações que precisarem ser feitas antes da publicação. Assim que for aprovada, a listagem será ativada no Exchange. Logo você começará a receber mensagens de possíveis clientes.

Listagens privadas

A opção de criar uma listagem privada está disponível para empresas que tiveram uma receita de vendas verificadas de pelo menos US$ 100. O Exchange oferece a opção de criar uma listagem privada para vendedores que estejam interessados em vender suas empresas, mas desejam manter privadas informações como nome da loja, contas em redes sociais, capturas de tela ou URLs.

Os clientes em potencial podem enviar mensagens a listagens privadas para receber mais informações sobre a empresa diretamente de você.

Como o valor da avaliação da minha empresa é calculado?

A ferramenta de avaliação da Exchange recomenda um preço de venda, tendo em conta uma série de fatores, incluindo os últimos 12 meses de receita para sua empresa, tráfego e outros recursos, como seguidores de redes sociais ou assinantes por e-mail. As empresas que têm recursos comprovadamente vendáveis são valorizadas pela nossa ferramenta de avaliação.

A avaliação é baseada em informações limitadas e pode não incorporar todos os dados relevantes para o valor de seus negócios. Edite o preço estabelecido de sua empresa para considerar qualquer informação a que nossa ferramenta não tem acesso.

Requisitos do usuário do Exchange

Nosso objetivo é fornecer um ambiente justo e seguro para pessoas que desejam comprar ou vender empresas no Exchange. Para isso, definimos os seguintes requisitos e diretrizes:

  • Você precisa ter, no mínimo, 18 anos de idade.
  • Se você morar em um dos seguintes países ou regiões não compatíveis com o Escrow, não será possível usar o Exchange: - Afeganistão, Argélia, Angola, Azerbaijão, Bielorrússia, Burundi, Camboja, República Centro-Africana, Chade, Congo, República Democrática do Congo, Cuba, Costa do Marfim, Egito, Guiné Equatorial, Eritreia, Etiópia, Guiné, Guiné-Bissau, Haiti, Honduras, República Islâmica do Irã, Iraque, Cazaquistão, República Popular Democrática da Coreia, Quirguistão, República Democrática Popular do Laos, Líbano, Libéria, Líbia, Moldávia, Myanmar, Nigéria, Paquistão, Panamá, Federação Russa, Serra Leoa, Somália, Sudão do Sul, Sudão, Suriname, República Árabe da Síria, Tajiquistão, Uganda, Ucrânia, Uzbequistão, Venezuela, Iêmen, Zimbábue

  • Não use o Exchange Marketplace para promover um produto ou serviço.

  • O Exchange Marketplace não é compatível com um formato de leilão. Os vendedores precisam definir e respeitar o preço solicitado para não confundir os compradores nem criar uma experiência negativa.

  • Não solicite e nem inclua informações pessoais como endereço de e-mail, telefone ou outros dados de contato em uma listagem ou nas comunicações. Além disso, converse apenas pelo Exchange Marketplace, já que todas as comunicações entre compradores e vendedores devem ocorrer nesse canal.

  • Sempre deixe que o Exchange faça as alterações de titularidade da conta para você.

  • O Exchange não é compatível com pesquisas de parcerias comerciais. Para anunciar uma empresa no Exchange, é necessário que ela esteja à venda.

  • Todas as listagens precisam ser exclusivas, e não cópias de listagens existentes no Exchange.

  • Os modelos de loja virtual vendidos no Exchange precisam ser únicos. Para evitar problemas com compradores insatisfeitos, é importante que a empresa vendida não seja uma versão duplicada de outra.

  • Ao contrário de lojas virtuais de desenvolvimento normais feitas por Parceiros, empresas listadas no Exchange não são qualificadas para comissão.

  • Talvez você receba uma solicitação "Conheça seu cliente" para confirmar sua identidade.

  • Não incentive nenhuma das partes a iniciar uma transação de pagamento fora do fluxo de pagamento do Exchange. Se uma transação for concluída fora do fluxo Escrow.com do Exchange Marketplace, a Shopify não poderá ajudar você em problemas que envolvam essa transação. O uso do Escrow.com fora do Exchange para iniciar uma nova transação é considerado fora do fluxo de pagamento autorizado do Exchange. Em todas as transações oficiais do Exchange, exchange-payments@shopify.com será listado como corretor na transação do Escrow.com.

Todas as listagens estão sujeitas a avaliações da equipe de atendimento do Exchange. A violação de qualquer uma das diretrizes acima pode inviabilizar a listagem de sua empresa, então sugerimos que leia tudo com muita atenção.

O banimento do Exchange é uma ação que não pode ser revertida. Decisões como essa são tomadas de forma cautelosa e, em última análise, protegem nossa comunidade de vendedores e clientes. Ainda que o Exchange não possa abrir uma exceção e permitir que você anuncie sua empresa novamente, vale lembrar que existem outros marketplaces online que permitem essa prática.

Taxa de serviço

Na seção para inserir o preço de listagem, você encontra a taxa de serviço calculada, que é o valor deduzido do preço de venda final acordado com o cliente. Ela é a combinação de duas outras taxas: aquela do Escrow e a taxa estimada do Exchange, excluindo a taxa de desembolso padrão de US$ 10 do Escrow. Vale lembrar que as taxas do Exchange são estimadas com base no preço de venda final da empresa, mas serão alteradas caso o vendedor aceite uma oferta menor ou maior. As taxas finais serão exibidas na transação real do Escrow.

O Exchange cobra uma taxa de serviço pela venda bem-sucedida de sua empresa pelo fluxo de pagamento do Exchange. Essa taxa de serviço é uma combinação das taxas do Escrow e do Exchange e é deduzida do valor que você recebe pela venda. Não há custo para anunciar sua empresa no Exchange, e a taxa é aplicável apenas se você vender sua empresa pelo fluxo de pagamento do Exchange. Nossa taxa de serviço oferece a você apoio prático em sua transferência, um sistema de pagamento seguro para ajudar a garantir que você seja pago via Escrow.com, e a ciência de que suas informações financeiras estão protegidas durante e depois da sua venda. 

Para ser transparente em relação às taxas aplicadas a uma venda bem-sucedida, o Exchange estima o valor que você poderá pagar no momento em que sua listagem é criada. A taxa de serviço final será informada depois de você aceitar uma oferta e criar uma transação no fluxo de pagamento. Ao decidir sobre o preço de venda para sua empresa, lembre-se de que a taxa de serviço precisa ser paga por você, a pessoa que faz a venda. Então, talvez você queira levar isso em conta no preço.

Categorias de tipo de empresa

Depois que você publicar a listagem, o Exchange a colocará automaticamente nas categorias de tipo de negócio que alcançarão os clientes ideais.

Caso suas vendas verificadas (ou seja, feitas por meio da Shopify) tenham sido maiores que US$ 100, é possível escolher o tipo de setor da listagem. A receita é atualizada na listagem do Exchange Marketplace no início de cada mês. Os setores incluem Moda e vestuário, Eletrônicos e gadgets, Saúde e beleza e assim por diante. Se a receita da empresa foi inferior a US$ 100, a opção para selecionar um setor não ficará disponível.

Além do setor, sua listagem é colocada automaticamente em muitas outras categorias. Veja onde sua empresa pode aparecer e o que a qualifica para aparecer nessas categorias.

Lojas iniciantes

Uma empresa listada com um valor de vendas verificadas (ou seja, vendas realizadas na Shopify) menor que US$ 100 é considerada uma loja do tipo Starter e tem um preço máximo de venda de US$ 10.000. Se esse for o caso, você não verá a opção para escolha de setor ao criar a listagem. Vale lembrar que essa é a categoria mais popular no Exchange: ao ser colocada nela, sua listagem ganhará grande visibilidade, o que aumenta as chances de venda.

Dropshipping

Se sua loja virtual tiver instalado um app de dropshipping, ela será automaticamente inserida na categoria Dropshipping do Exchange. Entre os apps de dropshipping, estão o Oberlo, o Spocket, o Modalyst e muitos outros. É possível que sua empresa não use esses apps como método principal de processamento, mas ela aparece nessa categoria para ajudar clientes que procuram empresas preparadas para dropshipping.

Empresas estabelecidas

Caso sua empresa tenha uma receita superior a US$ 20.000, a listagem será adicionada à categoria Established Store ("Loja estabelecida"). A navegação por essa categoria conta com filtros como o tipo de setor, algo que você pode configurar durante a criação da listagem.

Impressão sob demanda

As empresas que instalaram apps de impressão sob demanda, como Printful ou Teelaunch, serão automaticamente inseridas nesta categoria. Isso permite que clientes com interesse em gerir uma empresa desse tipo saibam que seu anúncio é o ideal para eles.

Estoque

Se você tiver selecionado a opção de incluir estoque físico em sua venda, a listagem aparecerá na categoria Estoque. Isso é selecionado quando você cria suas listagens.

Lojas de Parceiros

Todas as empresas que foram criadas por um Parceiro e que ainda não foram gerenciadas por um empresário independente são colocadas na categoria de lojas de Parceiros. Os Parceiros são designers profissionais, desenvolvedores, profissionais de marketing e influenciadores que pertencem ao Programa de Parcerias da Shopify. O que diferencia essas empresas é que elas vêm configuradas com tudo o que você precisa para começar a vender e foram criadas para quem procura uma loja virtual pronta. O único proprietário que uma empresa dessas teve foi o Parceiro que a criou.

Remover uma listagem de uma categoria

O sistema do Exchange foi projetado para permitir que todas as listagens tenham uma exposição máxima, então não é possível alterar as categorias em que uma listagem será exibida. Se você achar que sua listagem não pertence a uma categoria, use o campo de descrição para listar a natureza de seu negócio.

Listagens em destaque e promovidas

Apenas uma quantidade limitada de listagens pode ser apresentada no Exchange por vez. De uma a três listagens de alta qualidade de cada categoria são exibidas por vez, com algumas aparecendo na página inicial. Os negócios apresentados são alternados com frequência, a fim de mostrar listagens de qualidade aos milhares de clientes que utilizam o Exchange diariamente.

As listagens em destaque não são escolhidas manualmente. O Exchange usa uma ferramenta que seleciona de modo automático as principais para colocar nos locais de destaque do Marketplace. Essa ferramenta analisa as listagens em busca de dados importantes para nossos clientes e considera o número de visitantes que visualizam e interagem com cada uma delas.

Melhorar sua oportunidade de se destacar

O espaço do Exchange é limitado, o que significa que nem todas as listagens são exibidas em local de destaque. No entanto, existem alguns ajustes que melhoram consideravelmente as chances de uma empresa:

Está precisando de ajuda para criar uma listagem de qualidade e com potencial para chamar a atenção dos clientes? Confira algumas dicas e sugestões:

  • Inclua pelo menos 280 palavras na descrição de sua listagem. É importante usar a descrição para descrever com precisão seus negócios e motivos para a venda. Se você estiver procurando ajuda para pensar no que incluir na descrição de sua listagem, experimente ler nosso artigo sobre o que incluir na sua listagem.
  • Tente não abandonar o processamento de pedidos & operações comerciais usuais assim que você listar. Mantenha suas vendas, se puder.
  • Tenha um domínio personalizado cadastrado em sua loja virtual e inclua isso na venda.
  • Permita que os clientes conheçam todos os outros recursos disponíveis, como contas em redes sociais, fotos de produto, atendimento pessoal após a venda etc.
  • Carregue fotos de qualidade em sua listagem. Uma captura de tela da sua loja virtual é ótima, mas carregar capturas de tela adicionais é ainda melhor.

As empresas em destaque são atualizadas todos os dias para mostrar novas listagens de alta qualidade. O Exchange também envia um e-mail semanal promovendo algumas listagens selecionadas que estão sendo bastante pesquisadas no momento. Atualmente, o Exchange não oferece a opção de pagar para que sua listagem seja promovida, e o recurso de destaque é gratuito.

Fazer vendas enquanto a sua empresa estiver listada

As empresas que continuam operando enquanto estão listadas no Exchange têm uma chance maior de serem vendidas. Isso demonstra aos clientes que a empresa ainda está ativa e saudável, tornando-a ainda mais atraente para comprar. Você é responsável por processar todas as vendas feitas enquanto for proprietário.

Não é possível fechar uma empresa enquanto ela estiver listada

Sua empresa precisa estar aberta e em um plano pago para ser vendida no Exchange. Dessa forma, clientes em potencial ainda poderão acessar seu site para decidir se gostariam de comprá-lo. Isso também permite que você continue operando enquanto sua empresa está listada, ajudando a aumentar suas chances de venda.

Remover sua listagem do Exchange

Se você decidiu que não gostaria mais de ter sua empresa listada para venda no Exchange, siga estas etapas para remover sua listagem:

  1. Faça login na sua conta da Shopify e vá até seus Apps
  2. Clique no app Exchange Marketplace.
  3. Clique na aba Listagem.
  4. Clique no botão Cancelar publicação e confirme.

Seus dados de listagem ficam salvos caso você decida publicá-la novamente no futuro. Se optar por não vender a empresa no Exchange e fechá-la, sua listagem será cancelada automaticamente.

Tudo pronto para começar a vender com a Shopify?

Experimente de graça