Como solucionar problemas com tributos de importação no checkout

Caso os tributos de importação recolhidos não estejam dentro do esperado, leia sobre os problemas comuns abaixo.

Os tributos de importação não são recolhidos, e o pedido indica que o recolhimento pode acontecer durante a entrega

Caso a loja recolha os tributos de importação no checkout e você encontre um pedido sem esse recolhimento, verifique se o cenário abaixo é aplicável.

Códigos SH ausentes ou incorretos

Quando os produtos não têm código SH ou ele é inserido incorretamente, os tributos de importação podem não ser aplicados ao pedido no checkout. Sempre que isso acontecer e o pedido exibir uma mensagem indicando que o recolhimento poderá ser feito na entrega, verifique se os códigos SH dos produtos estão presentes. Caso encontre códigos não aceitos, entre em contato com o Atendimento ao cliente da Shopify.

Tributos de importação não são recolhidos em faturas de rascunhos de pedido

Caso a loja recolha os tributos de importação no checkout e você encontre um pedido sem esse recolhimento em faturas de rascunhos de pedido, verifique se o cenário abaixo é aplicável.

Forma de frete selecionada no rascunho de fatura

Os tributos de importação não serão aplicados caso uma forma de frete seja selecionada durante a criação de um rascunho de pedido, pois só são calculados na página de checkout relacionada ao frete. Se for essa a situação, crie um rascunho de pedido sem definir a forma de frete, que será selecionada pelo cliente quando ele concluir o pedido. É nesse momento que os tributos de importação serão calculados e aplicados.

Os tributos de importação são calculados em 0

Caso a loja recolha os tributos de importação no checkout e você encontre um pedido no qual o valor deles seja igual a 0, verifique se algum dos cenários abaixo é aplicável.

O pedido está abaixo do valor mínimo

Se um pedido estiver abaixo do valor mínimo de um país ou uma região, ele não estará sujeito a tributos de importação. Vale lembrar que alguns países incluem ou excluem o frete no cálculo do valor mínimo. Portanto, caso tenha dúvidas sobre as regras do local de destino, consulte a respectiva autoridade fiscal ou um especialista tributário.

Cadastro fiscal ausente

Em alguns casos, a loja tem cadastro fiscal no país ou na região de destino, mas não enviou essas informações à Shopify. Sendo assim, as taxas que incidem em pedidos com valor abaixo do mínimo no país do comprador não são calculadas. Para evitar essa situação, adicione as informações de cadastro fiscal no admin da Shopify.

O tributo é recolhido, mas os impostos de importação não são

Caso a loja recolha os tributos de importação no checkout e você encontre um pedido em que o recolhimento não se refere a tributos de importação, verifique se o cenário abaixo é aplicável.

Pedido abaixo do valor mínimo para recolhimento dos tributos de importação

Os limites de valor mínimo para o recolhimento dos tributos de importação variam entre os países e regiões. Se um pedido excede o valor mínimo do imposto local, mas não alcança o mínimo para os tributos de importação, sujeita-se apenas ao primeiro. Vale lembrar que, dependendo do país, as taxas de frete são incluídas no cálculo do valor mínimo. Portanto, caso tenha dúvidas sobre as regras do local de destino, consulte a respectiva autoridade fiscal ou um especialista tributário para mais informações.

Os tributos de importação cobrados pela transportadora excedem o recolhimento feito no checkout

Caso a loja recolha os tributos de importação no checkout e o cliente tenha recebido uma cobrança de tributação menor que o custo real do envio, verifique se um dos cenário abaixo é aplicável.

Códigos SH ausentes ou incorretos

Quando os produtos não têm código SH ou ele é inserido incorretamente, os tributos de importação podem não ser aplicados ao pedido no checkout. Verifique se os produtos do pedido apresentam códigos SH. Caso encontre códigos não aceitos, entre em contato com o Atendimento ao cliente da Shopify.

As autoridades alfandegárias aplicaram códigos SH diferentes

Ao cruzar a fronteira, a autoridade alfandegária local pode inspecionar o produto. Nessa situação, é possível que ela aplique aos produtos códigos SH diferentes daqueles usados para calcular os tributos de importação. Caso isso aconteça, verifique os códigos SH dos produtos afetados e siga um dos procedimentos abaixo:

  • Atualize os produtos com os códigos SH aplicados pelas autoridades alfandegárias.
  • Se tiver certeza de que o código SH está correto, entre em contato com seu despachante aduaneiro para investigar a causa da divergência.

Os preços dos produtos na fatura comercial divergem do pedido

Se o montante da fatura comercial não for o mesmo do pedido, pode ser que a transportadora tenha informações incorretas sobre os produtos. Nesse caso, consulte o app ou integração que emite a fatura para confirmar se a loja usa os preços mais recentes ou, em vez disso, uma lista fixa.

Flutuação da taxa de câmbio

Do momento em que o pedido é feito até o envio, é muito provável que hajam flutuações cambiais entre a moeda base da loja e a do cliente. Logo, diante de atrasos no processamento de pagamentos ou reembolsos, existe a possibilidade de você perder ou ganhar dinheiro em decorrência da conversões de moeda.

Para reduzir a diferença causada pela flutuação da taxa de câmbio, basta configurar a loja para vender em várias moedas. Dessa forma, é possível emitir a fatura comercial na moeda local do cliente.

Tudo pronto para começar a vender com a Shopify?

Experimente de graça