Migrar do Clover

Este guia descreve como migrar sua loja do Clover para a Shopify. Você pode usá-lo como ponto de partida e como referência para garantir que não se esqueça de nenhuma tarefa de configuração importante.

Etapa 1: decidir como migrar o conteúdo e os dados da loja do Clover para a Shopify

Depois de criar sua loja na Shopify, analise a loja atual do Clover e decida quais dados e conteúdos você quer migrar para a Shopify. Essa oportunidade é ótima para eliminar o que não funciona mais e dar um toque moderno ao visual do site e da empresa. Algumas informações que você pode migrar:

  • produtos
  • Clientes
  • Histórico de pedidos (aqueles que já foram processados)
  • avaliações

Você também precisa decidir como quer migrar cada tipo de conteúdo. Verifique os seguintes métodos de migração:

Métodos de migração de dados
Método de migração Descrição
Copiar e colar dados manualmente Copie manualmente o conteúdo de sua loja atual do Clover e cole-o na nova loja na Shopify. Trata-se de um método de migração fácil e sem custo, mas pode exigir a inserção manual de dados e pode demorar mais, dependendo de quantos dados você está migrando. Considere esse método se você tiver um pequeno conjunto de dados para migrar.
Importação de CSV Exporte os dados para arquivos CSV e importe-os para a nova loja na Shopify. Trata-se de um método de migração fácil e sem custo, mas talvez seja necessário editar manualmente seus arquivos CSV. Este método funciona melhor com catálogos de produtos mais simples e listas de clientes menores.
Apps de migração de terceiros Use apps de migração de terceiros da Shopify App Store para eliminar suposições sobre o mapeamento de campos com importações de CSV. O custo desse método varia e depende da complexidade e do tamanho do seu conjunto de dados. Considere esse método se você tiver um grande conjuntos de dados para migrar.
Especialista em migração Contrate um Parceiro da Shopify para gerenciar e concluir sua migração. O custo desse método varia e depende da complexidade e do tamanho do seu conjunto de dados. Considere esse método se você tiver um conjunto de dados grande e complexo para migrar.

O restante deste guia recomenda o uso de arquivos CSV quando disponíveis, mas apresenta outras opções quando o CSV não for viável.

Etapa 2: exportar os dados de itens do Clover

Você pode exportar os dados de itens do Clover para um arquivo CSV. Só é possível exportar uma lista completa de itens; a exportação parcial de itens não é aceita.

Etapas:

  1. Faça login no Clover.
  2. No painel de controle do Clover, clique em Items ("Itens") > Item List ("Lista de itens").
  3. Clique em ⋮ e em Export ("Exportar").
  4. Nomeie o arquivo como CloverItemDownload.csv e salve-o no computador.

Etapa 3: editar o arquivo CSV de itens antes de importá-lo para a Shopify

Você precisa editar seu arquivo CSV antes de poder importá-lo para a Shopify.

Faça download e veja o modelo CSV de produtos e edite o arquivo CloverItemDownload.csv para corresponder ao formato CSV. Se quiser, trabalhe em outra aba do seu arquivo CSV. Na outra aba, você pode copiar os cabeçalhos das colunas e, em seguida, copiar e colar seus dados de importação do Clover para o modelo CSV de produtos da Shopify. Verifique se o arquivo CSV contém apenas os dados de modelos CSV de produtos da Shopify da sua loja antes de importá-lo.

Se você usar o arquivo de amostra, analise estas informações:

  • O arquivo de amostra contém um exemplo de produto e algumas variantes. É provável que o arquivo de importação contenha um número muito maior de produtos e variantes. Se você usar o arquivo de amostra para criar seu próprio arquivo de importação, remova todas as amostras de produtos fictícios.
  • O arquivo de amostra inclui a coluna Variant Inventory Qty, que é usada apenas para lojas que possuem um único local. Caso você tenha vários locais e queira importar ou exportar volumes de estoque, use o arquivo CSV de estoque.
  • O arquivo de amostra inclui as colunas Price / International e Compare At Price / International, mas ambas são deixadas em branco, pois não há requisitos exclusivos de preços para esses produtos ao serem vendidos internacionalmente. Saiba mais sobre as colunas CSV do Shopify Markets.

É possível usar o Planilhas Google para editar a versão formatada dos arquivos CSV, bem como outros apps conhecidos, como Microsoft Excel ou Numbers.

Revise a tabela a seguir para ver que colunas mapeiam o tipo de dados do Clover com o tipo de dados da Shopify. Remova as outras colunas que não sejam mencionadas na tabela da exportação do Clover. Existem algumas colunas disponíveis no CSV de produtos da Shopify que não estão na exportação de itens do Clover. Elas não estão listadas abaixo, mas talvez precisem ser revisadas. Saiba mais sobre o que cada coluna requer no arquivo CSV de produtos.

Confira a tabela a seguir que mapeia os tipos de dados do Clover com os tipos de dados da Shopify:

Mapeamento de dados do Clover e da Shopify
Tipo de dados do Clover Tipo de dados da Shopify Ação
Nome Título Altere o nome da coluna para o tipo de dados da Shopify.
Oculto Status ou Publicado Decida qual coluna você quer usar para Oculto. Considere mapear a coluna Oculto para Status ou Publicado no CSV de produtos da Shopify. Se você optar por mapear para a coluna Status, use os valores ativo ou rascunho. Se você optar por mapear para a coluna Publicado, use os valores VERDADEIRO ou FALSO.
SKU SKU da variante Altere o nome da coluna para o tipo de dados da Shopify.
Quantidade Qtde de estoque da variante Altere o nome da coluna para o tipo de dados da Shopify.
Preço Preço da variante Altere o nome da coluna para o tipo de dados da Shopify.
Custo Custo por item Altere o nome da coluna para o tipo de dados da Shopify.
Alíquotas Variável tributável Altere o nome da coluna para o tipo de dados da Shopify.

Etapa 4: importar os dados de itens para a Shopify

Depois de ter o arquivo CloverItemDownload.csv e concluir as edições necessárias, importe os itens do Clover para a Shopify.

Etapas:

  1. No admin da Shopify, acesse Produtos.
  2. Clique em Importar.
  3. Clique em Adicionar arquivo e selecione CloverItemDownload.csv.
  4. Desmarque Publicar novos produtos em todos os canais de vendas e clique em Fazer upload e conferir uma prévia.
  5. Confira as informações sobre a importação e clique em Importar produtos.

​​Após o upload do arquivo CSV, você receberá uma mensagem de confirmação na conta de e-mail usada para configurar a loja da Shopify. Veja algumas soluções para problemas comuns ou informações mais gerais sobre a importação de produtos com um arquivo CSV.

Etapa 5: verificar e organizar os produtos após a importação

Depois de importar os produtos para a Shopify, é importante verificar se todas as informações foram transferidas corretamente. Dados como preços, peso e estoque podem afetar a empresa se estiverem errados.

Revisar se há erros comuns de importação

Erros comuns de migração
Problema Solução
A importação deu certo, mas algo foi alterado. Se houver mudanças em alguma informação importada, uma mensagem será exibida no resumo da importação, na seção Avaliação de produtos. Selecione Ver itens para fazer as alterações necessárias.
Produtos importados, mas não publicados. Se os produtos importados estiverem marcados como ocultos, é porque não serão publicados até serem definidos como disponíveis para os canais de vendas.
Informações ausentes nos produtos importados. Analise a descrição do produto na página do item e preencha as informações ausentes.
Falha ao importar variantes do produto. Produtos sem uma opção de variante não serão importados corretamente e podem ser adicionados manualmente à loja da Shopify.
Alguns clientes ou pedidos não foram importados. Se você importar vários clientes com o mesmo e-mail ou número de telefone, apenas o registro mais recente com os dados duplicados será importado. Nesse caso, é possível adicionar manualmente os perfis do cliente mais antigos.

Analisar e organizar produtos

  1. Analise as informações do produto, incluindo descrição, imagens, variantes, preços e metadescrição.
  2. Crie coleções de produtos para organizá-los em categorias. Isso ajuda a agrupar itens no admin da Shopify e no site externo.
  3. Acompanhe o estoque e as transferências de produtos. Analise os apps de estoque disponíveis para identificar se algum é adequado para sua empresa.

Analisar e organizar produtos

  1. Analise as informações do produto, incluindo descrição, imagens, variantes, preços e metadescrição.
  2. Crie coleções de produtos para organizá-los em categorias. Isso ajuda a agrupar itens no admin da Shopify e no site externo.
  3. Acompanhe o estoque e as transferências de produtos. Analise os apps de estoque disponíveis para identificar se algum é adequado para sua empresa.

Etapa 6: (opcional) exportar os dados de clientes do Clover

Você pode exportar os dados do seu cliente do Clover para um arquivo CSV. Exporte apenas uma lista completa de clientes; a exportação parcial de clientes não é aceita.

Etapas:

  1. Faça login no Clover.
  2. No painel de controle do Clover, clique em Customers ("Clientes") > Customer List ("Lista de clientes").
  3. Clique em ⋮ e em Download.
  4. Nomeie o arquivo como CloverCustomerDownload.csv e salve-o no computador.

Etapa 7: (opcional) editar o arquivo CSV de clientes antes de importá-lo para a Shopify

Você precisa editar o arquivo CSV antes de importá-lo para seu admin da Shopify. Faça download e veja o modelo CSV de clientes e edite o arquivo CloverCustomerDownload.csv para corresponder ao formato CSV. Se quiser, trabalhe em outra aba do seu arquivo CSV. Na outra aba, você pode copiar os cabeçalhos das colunas e, em seguida, copiar e colar seus dados de importação do Clover para o modelo CSV de clientes da Shopify.

Para editar uma versão formatada dos arquivos CSV, é recomendável usar o Planilhas Google, embora muitos outros apps populares de planilha também funcionem, como o Microsoft Excel ou o Numbers.

Revise a exportação para ver que colunas mapeiam o tipo de dados da Shopify. Existem algumas colunas disponíveis no CSV de clientes da Shopify que não estão na exportação dos clientes do Clover. Saiba mais sobre o que cada coluna requer para o arquivo CSV de clientes.

Mapeamento de dados do Clover e da Shopify
Tipo de dados do Clover Tipo de dados da Shopify Ação
Nome Nome Altere o nome da coluna para o tipo de dados da Shopify.
Sobrenome Sobrenome Altere o nome da coluna para o tipo de dados da Shopify.
E-mail E-mail Altere o nome da coluna para o tipo de dados da Shopify.
Marketing permitido Aceita e-mail marketing Altere o nome da coluna para o tipo de dados da Shopify.
Linha de endereço 1 Endereço-padrão Endereço1 Altere o nome da coluna para o tipo de dados da Shopify.
Linha de endereço 2 Endereço-padrão Endereço2 Altere o nome da coluna para o tipo de dados da Shopify.
Linha de endereço 1 Nenhum conjunto de dados correspondente Considere mesclar esses dados com a coluna Linha de endereço 2.
Cidade Cidade do endereço padrão Altere o nome da coluna para o tipo de dados da Shopify.
Estado/província Código da província de endereço-padrão Altere o nome da coluna para o tipo de dados da Shopify.
País Código do país do endereço-padrão Altere o nome da coluna para o tipo de dados da Shopify.
CEP CEP do endereço-padrão Altere o nome da coluna para o tipo de dados da Shopify.
Número de telefone Telefone Altere o nome da coluna para o tipo de dados da Shopify.

Etapa 8: (opcional) importar os dados de clientes para a Shopify

Depois de ter o arquivo CloverCustomerDownload.csv e concluir as edições necessárias, importe os clientes do Clover para a Shopify.

Etapas:

  1. No admin da Shopify, acesse Clientes.
  2. Clique em Importar.
  3. Clique em Adicionar arquivo e selecione CloverCustomerDownload.csv.
  4. Clique em Importar clientes.
  5. Confira as informações sobre a importação e clique em Importar clientes.
  6. Revise o resumo de importação de clientes e clique em Ver todos os clientes.

Etapa 9: (opcional) importar as avaliações para a Shopify

Não é possível exportar ou migrar avaliações do Clover para a Shopify. No entanto, você pode importar suas avaliações manualmente usando um app de terceiros da Shopify App Store. Os apps a seguir podem ajudar na importação de avaliações:

Etapa 10: (opcional) exportar o histórico de pedidos do Clover

Você pode exportar os dados dos pedidos do Clover para um arquivo CSV. Exporte seus pedidos com base em filtros e datas.

Etapas:

  1. Faça login no Clover.
  2. No painel de controle do Clover, clique em Sales activity ("Atividades de vendas") > Orders ("Pedidos").
  3. Use os filtros para selecionar os pedidos que você quer exportar.
  4. Clique em EXPORT ORDERS FROM THIS PAGE ("EXPORTAR PEDIDOS DESTA PÁGINA").
  5. Nomeie o arquivo como CloverOrdersDownload.csv e salve-o no computador.

Etapa 11: (opcional) importar o histórico de pedidos para a Shopify

Use apps de migração de terceiros da Shopify App Store para migrar seu histórico de pedidos do Clover para a Shopify. Os apps a seguir podem ajudar na importação do histórico de pedidos:

Etapa 12: dar um visual incrível para o site

Para ajudar nesse início, a página Temas do admin apresenta um tema-padrão configurado quando você abre uma conta na Shopify. Personalize o tema para definir o visual do site e, se você quiser adaptar um diferente para a loja virtual, poderá adicioná-lo pelo admin da Shopify.

Para adicionar um tema à loja virtual, escolha uma destas opções:

Adicione um tema gratuito a partir do admin

Os temas gratuitos são desenvolvidos pela Shopify. Além disso, a ajuda com as personalizações desses temas está disponível na Shopify.

Etapas:

Adicionar um tema da Theme Store

Os temas pagos são desenvolvidos por designers externos. Portanto, a ajuda com as personalizações desses temas é fornecida pelo respectivo designer.

Etapas:

  1. Acesse a Loja de temas da Shopify e escolha uma das opções disponíveis. Se você ainda estiver no período de avaliação gratuita, escolha um tema grátis para não precisar pagar nada.
  2. Se você escolheu um tema gratuito, clique em Adicionar tema ou Comece com este modelo. Se você escolheu um tema pago, clique em Comprar para adquirir o tema. Vale lembrar que essas opções não são reembolsáveis. Portanto, experimente o tema pago antes de comprá-lo.
  3. No caso de temas pagos, clique em Aprovar para confirmar o pagamento. Depois, o tema será adicionado à página Temas do admin.

Experimente um tema pago na sua loja

Experimente um tema pago para analisar se ele combina com seus produtos, cores da marca e estilo antes de comprá-lo. Durante a pré-visualização, é possível fazer personalizações no editor de temas que serão salvas quando você fizer a compra. É possível pré-visualizar até 19 temas pagos e comparar diferentes opções antes de comprar.

Etapas:

  1. Acesse a Loja de temas da Shopify e escolha um tema pago.
  2. Clique em Experimentar tema. Uma pré-visualização do tema será carregada para sua loja virtual.
  3. Realize uma das seguintes ações:
    • Para interromper a pré-visualização do tema, clique em Fechar pré-visualização.
    • Para comprar o tema, clique em Comprar.
    • Para modificar as configurações do tema usando o editor de temas, clique em Personalizar tema.

Se você optar por não comprá-lo, o tema pago ainda será adicionado à página Temas do admin. Os temas pagos que você está testando serão identificados com a etiqueta Avaliação do tema.

Etapa 13: configurar o frete

Configure as taxas de frete e as formas de frete corretamente antes de lançar sua loja. Assim, você não vai precisar reembolsar os clientes por cobranças excessivas nem enviar e-mails aos clientes pedindo que paguem mais porque você não cobrou o suficiente para cobrir o frete dos pedidos.

Para saber mais sobre o frete e processamento de pedidos, clique aqui.

Etapas:

  1. Analise o endereço da loja para ter taxas de frete precisas com base em seu local. Se você envia de outras localizações, adicione essas opções como locais.
  2. Crie zonas de frete para permitir o envio a diferentes regiões, estados e países.
  3. Se você usa taxas de frete calculadas pela transportadora, configure as dimensões da remessa. Muitas transportadoras usam o peso volumétrico (a altura, o peso e a profundidade de um pacote) para calcular as taxas de frete.
  4. Configure as taxas de frete para as zonas de frete que você criou.
  5. Escolha uma estratégia de frete que funcione para a empresa. Pode ser uma boa ideia analisar algumas opções para ver qual atende às suas necessidades antes de tomar uma decisão.
  6. Decida como quer processar seus pedidos. Você pode processar e enviar pedidos por conta própria ou usar um serviço de processamento de pedidos que os envia para você.

Etapa 14: configurar os tributos

Cobrar o tributo sobre vendas é uma parte importante da gestão do seu negócio. Dependendo da sua localização, existem regras e regulamentos diferentes sobre o tributo sobre vendas que se aplicam aos seus produtos. Para garantir que sua loja atenda a essas regras, reserve algum tempo para entender o processo de configuração de tributos da Shopify.

Cobrar tributos com base nos seus destinos de frete

Ao configurar o frete, é possível aplicar tributos de frete aos produtos com base nos regulamentos fiscais provinciais, estaduais ou regionais do cliente. Destacamos que esse cálculo é feito automaticamente pela Shopify.

Se você precisar ajustar os tributos manualmente, com base em uma região com restrições fiscais exclusivas ou com base em uma coleção específica de produtos, poderá fazer isso com uma substituição tributária.

Controlar seus tributos

Ao definir as configurações de tributos para seus produtos, também será necessário pensar em como controlar esses valores ao longo do ano.

Caso você não tenha certeza sobre qual sistema usar para controlar tributos, uma opção é analisar alguns apps de contabilidade da Shopify App Store.

Etapa 15: configurar um provedor de pagamento

É preciso configurar um provedor de pagamento para que os clientes consigam pagar a você. Esse tipo de provedor permite que você aceite pagamentos com cartão de crédito de forma segura. O Shopify Payments está disponível em determinados países, além de vários provedores de pagamento de terceiros.

Configurar um provedor de pagamento

  1. Selecione um provedor de pagamento da Shopify ou de um terceiro compatível.
  2. Ative o Shopify Payments ou um provedor de pagamento de terceiros no admin da Shopify.
  3. Escolha como você deseja capturar e autorizar pagamentos quando os clientes compram algo da sua loja.

Após configurar seus provedores de pagamento, configure sua página de checkout para processar pedidos de clientes.

Configurar o checkout

  1. Configure o processamento de pedidos e a autorização de pagamento.
  2. Adicione as políticas da sua loja para que os clientes possam vê-las antes de concluir o checkout.
  3. Edite as configurações de informações do cliente no checkout e decida se você quer coletar endereços de e-mail para atualizar os consumidores sobre eventos e promoções.

Etapa 16: fazer alguns pedidos de teste

Agora que você definiu suas configurações de pagamento, experimente fazer algumas transações para garantir que tudo esteja funcionando. Executar um pedido de teste ajudará você a entender o processo pelo qual seus clientes passam quando compram seus produtos. Você pode acessar todos os pedidos que os clientes fazem da página Pedidos no seu admin da Shopify.

Você pode fazer pedidos de teste para alguns tipos diferentes de transações:

Ao criar, reembolsar e processar pedidos, você verá os e-mails que seus clientes recebem para cada ação. É possível editar os modelos dessas mensagens na página Notificações do admin da Shopify.

Etapa 17: adicionar membros da equipe à loja

Caso outras pessoas ajudem você a administrar a loja, adicione-as como membros da equipe à loja na Shopify. Cada membro da equipe tem credenciais de login pessoais. Também é possível definir permissões para cada membro da equipe a fim de restringir o acesso a determinadas áreas da loja e manter informações confidenciais seguras.

Saiba mais sobre como gerenciar equipes.

Etapa 18: configurar o domínio

Ao configurar sua loja na Shopify, você pode comprar um novo domínio ou transferir o domínio associado à loja já existente para sua nova conta da Shopify.

Obtenha um novo domínio

Você pode comprar um novo domínio diretamente da Shopify.

Etapas:

  1. Compre seu domínio por meio da Shopify.
  2. Defina o domínio da Shopify como primário para que seja exibido aos clientes no navegador, nos resultados de pesquisa e nas redes sociais.
  3. Configure o encaminhamento de e-mail para que as mensagens que os clientes enviam ao endereço do domínio personalizado sejam redirecionadas a seu e-mail pessoal.

Conectar ou transferir um domínio existente para a Shopify

Se você tem um domínio já existente, siga estas etapas para direcionar o domínio para sua loja da Shopify.

Você pode usar seu domínio existente, mas a estrutura de links do Shopify para páginas individuais provavelmente é diferente do serviço anterior, o que significa que links antigos para páginas específicas provavelmente não serão carregados para os clientes. Por exemplo, sua página anterior sobre política de frete tem o URL example.com/policies/shipping-policy, mas, na Shopify, agora é example.com/pages/shipping-policy.

Para evitar que clientes encontrem erros, antes de transferir o domínio, configure redirecionamentos de URL nas páginas que costumam ser incluídas nos favoritos ou em links com origens de terceiros. Assim, quem acessar o link antigo após a transferência de domínio será redirecionado para o novo.

Etapa 19: migrar para o Shopify PDV

Se você tem uma loja física ou usa um ponto de venda, é possível configurar o Shopify PDV para fazer vendas presenciais aos clientes. Depois de importar os dados da loja e configurá-la, adicione o Shopify PDV como canal de vendas no admin da Shopify.

Configurar o Shopify PDV

Antes de começar a vender, é preciso configurar o Shopify PDV.

Confirme se os membros da equipe, os produtos e os locais estão configuradas para realizar vendas presenciais. Para saber mais sobre como configurar o Shopify PDV, consulte Introdução ao app Shopify PDV.

Equipamentos

Se você está migrando do Clover para o Shopify PDV, alguns de seus equipamentos poderão ser compatíveis. Consulte Equipamentos de PDV aceitos para ver uma lista dos aparelhos compatíveis com o Shopify PDV.

Etapa 20: (opcional) configurar a SEO para ter sucesso

Você pode configurar sua loja na Shopify para ter sucesso na Otimização de mecanismos de pesquisa (SEO, na sigla em inglês) e, assim, manter suas classificações nos resultados de pesquisa.

Configurar redirecionamentos

É possível configurar redirecionamentos para todas as suas páginas importantes, o que ajuda você a preservar sua classificação de SEO. Depois que a loja estiver ativa, talvez você queira revisar quais páginas do site têm mais tráfego e garantir que essas páginas redirecionem para sua loja na Shopify. Você também pode usar um arquivo CSV para importar seus redirecionamentos.

Etapas:

  1. No admin da Shopify, acesse Loja virtual Navegação.
  2. Clique em Ver redirecionamentos de URL.
  3. Clique em Criar redirecionamento de URL.
  4. No campo Redirecionar de, insira o URL antigo.
  5. No campo Redirecionar para, insira o novo URL para o qual você deseja redirecionar os visitantes. Se você quiser redirecionar para a página inicial da loja, insira /.
  6. Clique em Salvar redirecionamento.

Confirmar que os redirecionamentos estão funcionando

Depois de configurar seus redirecionamentos e lançar a loja, verifique se eles estão funcionando corretamente. Para isso, insira o URL original em um navegador da Web e confirme que ele redireciona ao URL de destino. Vale lembrar que é preciso verificar se todas as páginas que foram mais visitadas em sua outra loja redirecionam para sua loja na Shopify.

Editar as metadescrições

Uma metadescrição é o texto breve exibido nos resultados do mecanismo de pesquisa. A metadescrição pode ser definida para páginas da web, páginas de produtos, páginas de coleção e posts de blogs na Shopify. Certifique-se de que cada página tenha uma metadescrição exclusiva que use linguagem simples e direta. Uma boa descrição incentiva mais pessoas a clicar no link para sua loja.

O admin da Shopify tem várias áreas onde você pode editar a metadescrição. Considere editar as seguintes metadescrições para otimizar a loja nos mecanismos de pesquisa:

Verificar e enviar o mapa do site ao Google

Todas as lojas na Shopify geram automaticamente um arquivo sitemap.xml que contém links para todos os itens de produtos, imagem principal de produtos, páginas, coleções e posts do blog. Ele é usado pelos mecanismos de pesquisa, como o Google e o Bing, para indexar o site e, assim, permitir que as páginas da loja sejam exibidas nos resultados. Vale lembrar que é possível enviar o arquivo do mapa do site ao Google Search Console para ajudar o Google a encontrar e indexar essas páginas.

Os arquivos de mapa do site são gerados automaticamente e estão no diretório raiz dos domínios da loja da Shopify, como johns-apparel.com/sitemap.xml.

Os arquivos de mapa do site são vinculados a mapas separados de produtos, coleções, blogs e páginas da web. Esses arquivos são atualizados automaticamente quando você adiciona um novo item de página da web, produto, coleção, imagem ou post do blog à loja virtual da Shopify.

O processo de rastreamento e indexação do site pode demorar, e o Google não garante quanto tempo levará.

Depois que seu site é lançado, o Google pode levar de alguns dias a algumas semanas para indexá-lo. Para conferir o status, pesquise-o na barra de pesquisa do Google digitando site: seguido do domínio. Por exemplo, site:shopify.com.

Saiba mais sobre como encontrar e enviar o mapa do site ao Google.

Usar um app para SEO

É possível usar um app para ajudar na SEO do site. Esse tipo de app pode ajudar a otimizar suas imagens, aumentar a velocidade do site e monitorar links corrompidos.

Procure apps de SEO na Shopify App Store.

Tudo pronto para começar a vender com a Shopify?

Experimente de graça